Mayweather vence Manny Pacquiao em decisão polémica. O denominado “Combate do Século” do Boxe aconteceu na madrugada desse  domingo no MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, Estados Unidos e transmitido em Angola pela DSTV no canal Super Sport 3.


Com ingressos esgotados em apenas 60 segundos, os cerca de 17 mil espectadores participaram activamente de um memorável e histórico evento que devolveu o Boxe ao Topo do Mundo das Lutas. A arrecadação girou em torno de 72 milhões de dólares, batendo um recorde de bilheteria.


Na luta principal, o americano Floyd Mayweather e o filipino Manny Pacquiao mediram forças  num embate que valia a unificação do título dos meio-médios do Conselho Mundial de Boxe, da Organização Mundial de Boxe e da Associação Mundial de Boxe, principais organizações da modalidade.

  Desde os tempos do fenómeno Mike Tyson que uma luta de Boxe não tinha uma repercussão tão grande. Negociada desde 2009, a luta entre os dois maiores boxeadores do momento atingiu a expectativa de um grande combate. De um lado, Mayweather, polémico e desportista mais bem pago do Planeta. Do outro, Pacquiao, ídolo do seu País e tido como um exemplo também fora dos ringues.

O primeiro a ingressar é Manny Pacquiao que demonstra extrema confiança, com um sorriso no rosto. Logo após, Mayweather adentra sob algumas vaias, mas com aparentando tranquilidade e grande foco. 

No 1º round, a luta começa estudada, com Mayweather a tomar a iniciativa.
No 2º round, Pacquiao imprime o ritmo com extrema velocidade e é o melhor.
NO 3º round, Pacquiao vai para cima com tudo, com Mayweahter trabalhando no contragolpe.
No 4º round, Pacman trabalha bem a sequência na linha de cintura e coloca Mayweather nas cordas. Tudo começou com um directo certeiro dado por Pacquiao.

No 5º round, Mayweather começa a aplicar o seu jogo de contragolpes, amarrando Pacman que diminui o ritmo. 10×9 Mayweather.

No 6º round, Pacquiao coloca Mayweaher nas cordas com boa sequência na linha de cintura. O americano não acusa os golpes. Pacquiao melhor no round. 

N0 7º round, Mayweather se defende e trabalha no contragolpe, com a torcida quase toda ao lado de Pacquiao que ganha mais um assalto.

No 8º round, a luta fica estudada com muita movimentação e poucos golpes efectivos. Pacquiao iniciou melhor o assalto e foi melhor.

No 9º round, Pacquiao segue com boas sequências de 3 a 4 golpes. Mayweather responde com um direto de direita. O filipino segue com vantagem na luta.

No 10º round, O filipino mantém o ritmo impressionante, indo pra cima de Mayweahter que fica se defendendo nas cordas.

 No 11º round, o combate fica mais aberto, com os lutadores na troca de socos com maior velocidade e risco. Pacquiao e Mayweather sabem que a luta está apertada a decisão.

No 12º round, último assalto que é decisivo.  O derradeiro assalto começa e os lutadores se abraçam. Segue o combate, com Pacquiao jogando um cruzado, bem defendido por Mayweahter que trabalha cruzados de esquerda por cima da guarda do filipino. Final de luta que irá para a decisão dos jurados.

No final,  sob fortes vaias, Floyd Mayweather vence Manny Pacquiao por decisão unânime dos jurados, unificando o título dos meio-médios, numa polémica decisão. (118-110, 116-112, 116-112).

Relato de: Caju Freitas