Segundo a imprensa portuguesa Jorge Jesus vai mesmo para Alvalade, por três anos. Como? Com a ajuda de angolanos.

Divulgado pela RTP, o angolano Álvaro Sobrinho, accionista de referência do Sporting, terá estado envolvido no processo de financiamento da contratação. Além da participação de investidores angolanos, também investidores da Guiné Equatorial estarão envolvidos.

Escreve o Expresso que, ao mudar-se para a equipa de Alvalade, Jesus terá um salário de 3,6 milhões de dólares por ano, valor será superior tendo em conta o pagamento de prémios e de remuneração variável.

Este salário anual é inferior ao que Jorge Jesus auferia no Benfica, de quatro milhões de euros brutos. O Benfica queria, aliás, baixar a remuneração de Jesus. O treinador acabou por aceitar ganhar menos salário fixo, mas no Sporting.

Para Bruno de Carvalho, esta contratação reforça um desejo que tem vindo a expressar junto da sua equipa de trabalho mais próxima: quer ser campeão nacional de futebol em dois anos.

O Sporting só deverá anunciar a contratação de Jorge Jesus depois de acertada a rescisão com Marco Silva.
Depois de seis anos ao serviço do Benfica e de ter vencido 3 campeonatos nacionais, 5 Taças da Liga, uma Taça de Portugal, uma Supertaça e de ter alcançado duas finais da Liga Europa, o treinador muda-se agora para Alvalade.