O cantor e compositor Nelo Carvalho acaba de lançar o CD Reencontros, gravado em Angola, Cabo Verde, França, Portugal, Espanha e Cuba e masterizado em Londres. O trabalho conta com 15 temas de semba, kizomba, zouk, jazz, kilapanga e fado, que segundo o artista a inclusão deste último estilo é uma homenagem à fadista portuguesa Amália Rodrigues.

Com uma qualidade igual ou superior ao disco de estreia “Mamã Falou”, o segundo álbum de Nelo Carvalho, também tem duetos com cantores de referência internacional, como Rui Veloso, Tom Alves, Luanda Cozetti, Mindo e Eunice Vieira.
O músico afirma que “Reencontros” lhe “abriu as portas para o reencontro com os admiradores e aquelas pessoas que o reconhecem como artista de originais” e que “é um complemento do primeiro álbum lançado há dois anos”.
O disco estará à venda este domingo no Belas Shopping numa sessão de autógrafos, no próximo sábado na Casa da Juventude e no domingo no Made in Angola, na Centralidade do Kilamba.

Também estão previstas sessões idênticas em  Malange, Benguela, Huambo, Cabinda e Huíla.
Nelo Carvalho, que nasceu em Luanda a 9 de Março de 1959, começou a cantar em público aos 15 anos, no Tômbwa, nos “Mini-Jovens”.

Em Portugal, onde viveu, fez parte da banda “África Tentação”, com quem gravou dois LP, “Angola 79”, 1979 e “Mulher de Angola”, 1980. Em 2013, lançou trabalho a solo no mercado nacional “Mamã Falou”.