A Apple deu esta segunda-feira o pontapé de saída ao anual WWDC introduzindo a última edição do OS X: o “El Capitan”. Uma evolução do Yosemite, o El Capitan foca-se largamente em mudanças na experiência do utilizador, a performance de aplicativos e a gestão do ambiente de trabalho a serem o foco principal. 

Os utilizadores poderão agora usar gestos, dentro de aplicativos da mesma forma que fazem no iOS, deslizando os dedos, para marcar e apagar os emails, na aplicação Mail. O safari foi também foi mexido para oferecer sites “fixos”, que irão carregar mais rapidamente graças ao fundo refrescante, enquanto automaticamente abre novos separadores quando se clica. El Capitan dispõe também de um acesso mais rápido e mais intuitivo para o Misson Control através de deslizar de três dedos para cima enquanto que o Mail apresenta agora uma janela composta, que permite ao utilizador projectar mais facilmente e enviar mails.

 Uma opção de ecrã dividido está agora disponível através do arrastar varias janelas para o mesmo ambiente de trabalho, enquanto que existem novas características na app Notes e um Disk Utility redesenhado.

O OS X El Capitan está agora disponível em beta para os desenvolvedores, enquanto que para um beta public estará disponível em Julho. Espera-se que o sistema operativo esteja oficialmente disponível para todo o público, gratuitamente, a partir de Outubro.