Como destaca o site oficial da NBA, abre-se uma “Golden Age” (Era dos Golden), depois destes terem conquistado na madrugada de terça feira o campeonato, contra os Cleveland.

Os Warriors conquistaram o título ao sexto jogo da final, em casa do adversário. Começaram melhor, mas os Cleveland não foram a jogo para perder e acreditavam ainda na vitória, acabando na frente do segundo período. Ao intervalo, apenas um ponto separava as duas equipas. O terceiro período foi decisivo, onde a força dos Cleveland não foi suficiente para a garra dos Warriors e estes passaram para afrente com uma vantagem de 10 pontos. Final do jogo e os Warriors vencem o por 105-97. Os campeões, Golden State Warriors, conquistam o seu quarto título, 40 anos depois (1947, 1956,1975 e 2015).

789576_1280x720

Os adeptos dos Cavaliers estavam confiantes na vitória ou pelo menos na conquista do MVP pelo James LeBron, mas saiu tudo o lado. André Iguodala, dos Warriors, foi eleito o MVP dos play-off (25 pontos, 8 assistências e 5 ressaltos),  sendo que LeBron esteve novamente enorme, com 32 pontos, mas o seu esforço não foi suficiente para levar a equipa á vitória.

c32e0655537ef5ddd47c1d4c0dac80ac_crop_exact

O lutador dos Cleveland, que perdeu a sua quarta final em seis disputadas, acaba por dizer no final do jogo que, “para sofrer desta forma, talvez mais valha não passar aos play-off.”

CLEVELAND, OH - JUNE 16:  Andre Iguodala #9 of the Golden State Warriors reacts in the first quarter against the Cleveland Cavaliers during Game Six of the 2015 NBA Finals at Quicken Loans Arena on June 16, 2015 in Cleveland, Ohio. NOTE TO USER: User expressly acknowledges and agrees that, by downloading and or using this photograph, user is consenting to the terms and conditions of Getty Images License Agreement.  (Photo by Ezra Shaw/Getty Images)

Dados desta final que ficam para história: As 83 vitórias da época dos Warriors confirmam o terceiro melhor registo da história da NBA, só superado em duas épocas pelos Bulls de Michael Jordan; Desde 1990/1991 que uma equipa não era campeã só com jogadores sem experiência em finais; Iguodala é o primeiro MVP da competição sem ter feito qualquer jogo das finais como titular.