Parece que os homens solteiros sofrem de mais problemas clínicos do que os casados. Estudos provam que o casamento é um impulsionador de saúde, com os elementos do casal a viverem mais tempo, embora seja mais benéfico para homem do que para a mulher.

A Universidade College of London, em conjunto com a London School of Economics e London School of Higiene and Tropical Medicine conduziram um estudo que mostra que as mulheres de meia idade que nunca casaram têm virtualmente a mesma possibilidade de desenvolver síndrome metabólico  — uma combinação de diabetes, pressão arterial elevada ou obesidade —que as mulheres casadas.

beach-laughter

Apesar de as mulheres solteiras terem demonstrados níveis ligeiramente elevados de doença respiratória, foi um risco muito menor do que o verificado em homens solteiros. Em relação aos problemas cardíacos, nos homens solteiros verifica-se um aumento de 14%, enquanto que nas mulheres solteiras é quase imperceptível.

George Ploubidis, um cientista de saúde populacional diz que “não casar ou coabitar é menos prejudicial para as mulheres do que para os homens” e acrescenta, “Estar casado parece ser mais benéfico para os homens.”

Este estudo ainda verificou qual a condição clínica dos casais após divorcio e parece não haver grandes diferenças. Curiosamente, o que se verificou, foi que os homens que se divorciam perto dos 30 anos e não se voltam a casar têm menos probabilidade de desenvolver diabetes do que os homens casados (será devido á falta da comida boa da mulher?).

5532547573_700ec292b9_b

Isto leva-nos a pensar um pouco sobre o assunto. Será que estas condições clinicas acontecem porque as mulheres cuidam bem demais dos seus maridos e consequentemente estes não estão a cuidar bem delas?

E tu? Sentes-te melhor, a nível clínico, agora com a tua mboa, ou antes de teres casado? Será que elas nos mimam demais? Deixa a tua opinião, nos comentários e fica atento, a tua mulher também precisa de mimo.