As indicações de um personal trainer (PT) para “agires de acordo com a tua idade” são facilmente ignoradas. Mas devias prestar atenção quando o teu PT te dá dicas. Porque — como já deves ter notado — o tempo deixa os seus efeitos no teu corpo.

Cada vela no teu bolo de aniversário, significa flutuações nas tuas hormonas e composição do teu corpo, então o teu treino tem de ser adequado à tua idade. Se estiveres nos 50 e fizeres a mesma rotina de exercícios destinados aos de 20 anos, não esperes ver os mesmos ganhos. Vê como manipulares o teu treino de modo a garantires que pareces tão novo quanto te sentes.

Vintes 

maxresdefault

Por esta idade estás a armazenar mais testosterona do que um touro com cio, então toma vantagem disso. De acordo com alguns  PT, as hormonas responsáveis pelo ganho de força (sem falar do ganho estético) induzem o teu corpo a contrair os músculos e a queimar gordura. Então dispensa o treino de cross e vai directo para a sala de pesos para tirares partido de um corpo premiado com uns abdominais visíveis.

Mas não só as hormonas torcem por ti, a composição do teu corpo é orientado para mais ganhos, com menos trabalho. Pesquisas suecas descobriram que o teu fisico jovem está carregado de músculos tipo II (as chamadas “fibras de contração rápida”) adequadas para a potência, oponentes aos pequenos músculos tipo I, adequados para resistência. Assim, em vez de estares parado, alterna o teu cardio com treino de alta intensidade, enquanto estás nos teus 20, para queimares gorduras e evitares os pneus.

Investires desde cedo no teu corpo significa um retorno na tua vida mais tarde. Embora seja à memória muscular que tenhas de agradecer. Isto porque estudos mostram que uma vez que construíste o núcleo que transforma proteína em músculo, estes ficam em volta.

Trintas

man-lifting-weights

Aqueles hambúrgueres no final da noite estão difíceis de mudar. Contudo, tu ainda podes construir alguns bons músculos nos teus trinta, uma queda de 1% em testosterona por ano, significa que talvez tenhas de pensar em mudar o teu treino e impulsionar o teu metabolismo, para te livrares da gordura que está a tornar-se teimosa.

Estás em boa companhia. Num estudo publicado no Jornal Americano de Nutrição Clinica, cientistas descobriram que homens que orientaram-se para manterem o seu peso por 40 anos, continuaram a ganhar 1,5 Kg de gordura por cada década — enquanto perdiam 1,5 Kg de músculo.

Uma barriga tanquinho ainda é possível, mas tu tens de dedicar mais tempo a combater a flacidez escondida. Isto é possível combinando uma dieta inteligente com o treino de alta intensidade certo, não há nenhum motivo para teres alguma gordura a cobrir os teus abdominais, após 3 meses de dedicação.

Mas podemos garantir que treinos mais intensos irão também manter a tua actividade cardiovascular em dia. De acordo com especialistas, a capacidade de utilização de oxigénio pelo teu corpo diminui cerca de 10% por cada década, depois dos 30 anos. Mas os homens que continuam a competir e a treinar no duro, podem reduzir esta queda para cerca de metade, isto significa que continuas capaz de te exercitares fortemente por longos períodos. E aumentas a tua esperança de vida.

A partir dos quarentas

oldmanworkingout

De acordo com os cientistas da Universidade Médica do Texas, pensa-se que as fibras musculares de contração rápida, começam a decair a partir dos 40 anos, as fibras de contrações lentas — aquelas mais associadas à resistência — são as menos afectadas. A prestação de levantamento de pesos decai a partir dos 40, mas atletas resistentes, assim como os praticantes de remo, vêem o seu desempenho desvanescer mais lentamente, de acordo com o ensaio experimental. Portanto mantém esses exercícios da máquina de remo em dia.