Quer estejas numa corrida interminável ou numa sessão de sprint, encontrar a velocidade que pretendes leva o seu tempo. Isto é, a não ser que saibas o local certo onde mexer para acordar a fonte de poder escondida no teu corpo.

De acordo com um estudo recente publicado no The Journal of Strength and Conditioning Research, a velocidade está na tua cabeça. Bem, pelo menos grande parte dela. Uma equipa de fisiologistas e psicólogos descobriram que, quando te imaginas a fazer um exercício especifico de resistência, o teu corpo liberta hormonas de crescimento em dose extra, aumentando a estimulação elétrica nos seus nervos e impulsiona a ativação muscular em cerca de mais 18%.

Assim, imagina-te a explodir através dos teus amigos, no jogo de futebol ao fim de semana e as tuas fibras musculares irão responder energicamente. Não só isso, mas também surgirá um impulso hormonal reduzindo a dor e a fadiga. Então agora o que te resta é pensares numa nova comemoração de golo e rápido.