Depois de receber o prémio Michael Jackson Vídeo Vanguarda, Kanye West protagonizou o momento mais alto dos MTV VMA’s 2015, que aconteceu este domingo e Los Angeles, EUA.
Depois de um discurso de 12 minutos, Kanye diz que vai se candidatar às presidenciais de 2020.

Entre pedidos de desculpas por algumas atitudes, inclusive com Taylor Swift, com quem se desentendeu em 2009, e comentários sobre ter possivelmente fumado alguma coisa antes do evento, Kanye estava particularmente sensível e desabafou:

https://instagram.com/p/7CU0dSgTy6/?tagged=kaneywest

“Eu vou morrer pela arte, para o que eu acredito, e a arte nem sempre vai ser educada. Temos que ensinar os nossos filhos que eles podem ser algo. Que eles podem se defender. Se o meu avô estivesse aqui, ele não me deixaria ficar em baixo”, continuou.

O rapper também deu a entender que teria usado algum tipo de droga antes do prémio: “Vocês vão achar que eu fumei alguma coisa. E vocês sabem qual é a resposta? Sim, eu fumei. Mas não é sobre mim, é sobre as minhas idéias”.