O Google registou uma patente de um serviço que vai permitir à empresa utilizar o GPS do condutor para detectar buracos nas ruas e armazenar a informação num banco de dados.

A partir da tecnologia, o Google vai ser capaz de monitorar as vibrações do carro para entender se acabou de passar por um buraco, e posteriormente cruza essa informação com o GPS para que a falha na estrada seja sinalizada para que a possa evitar de futuro.

O conceito deve ser aplicado primeiro nos Estados Unidos e quem sabe logo, logo chegue à Banda. Já imaginou quanto poderá poupar em manutenção se evitar buracos? Ou, às tantas o serviço vai detectar que a Angola “é um buraco só”. Vocês condutores entenderam a piada.