Serás mais acessível
Uma noite a mobilizares as tuas tropas em rede de campos de batalha futuristas irá afiar a tua destreza, de acordo com um estudo da Universidade Estadual do Iowa. Num estudo sobre cirurgiões, aqueles que costumavam jogar eram 27% mais rápidos e eram um terço menos propensos a erros do que os colegas que não jogavam.

Serás melhor a resolver problemas
Grand Theft Auto (GTA) não só sobre detonar pedestres. Bem, OK, maioritariamente é. Mas o caminho para uma melhor detonação é através do melhoramento do raciocino cientifico, de acordo com um estudo da Universidade de Wisconsin, que descobriu que os jogadores mostram as mesmas hipótese-teste de raciocínio que os cientistas de laboratório.

Irás fortalecer o teu cérebro
Explorar novos ambientes fortalece as células nervosas no hipocampo, uma área do cérebro, associado ás memórias de longo prazo. Mas de acordo com pesquisas publicadas no jornal Cerebral Cortex, fazê-lo em frente aos ecrãs tem o mesmo efeito que vaguear por uma nova cidade.

Serás mentalmente mais ágil
O xadrez é tudo de bom mas, para turbinar a tua flexibilidade cognitiva — a tua capacidade cerebral para alterar entre ideias — precisas de algo mais maníaco, de acordo com pesquisas da UCL. Jogando jogos de estratégia a um ritmo acelerado, como Super Hexagon, torna a tua lista de afazeres muito mais simples.

Ficarás mais social 
O estereotipo dos jogadores como sendo homens que não vêem o sol, se alimentam de bebidas energéticas e são raivosos, ainda persiste. Mas, de acordo com uma pesquisa publicada no Journal of Computer-Mediated Communication, jogos online, na verdade, expandem as vidas sociais dos jogadores. Comunicar no jogo suplementa interações fora desta realidade e mesmo os comportamentos online agressivos têm pequenos efeitos nas condutas da vida real dos jogadores.

Tornas-te mais altruísta 
Falando de jogadores que não têm compostura digital, apesar da aparente prevalência de “flamejante” e “troll”, um estudo publicado na revista Behaviour and Information Technology descobriu que, mesmo jogando em modo anónimo, fazer parte de uma cultura positiva de outros jogadores, pode ter um impacto positivo nas atitudes e comportamentos.

Serás mais criativo
Cientistas da Universidade de Michigan, entrevistaram 491 adolescentes de 12 anos e descobriram que enquanto o navegar na web não tem qualquer efeito, jogar, impulsiona as capacidades dos jovens em testes de desenho e escritos.