Combinar camisas com gravatas
Combinar camisas com gravatas

A combinação com estilo e elegância da camisa e gravata provém por vezes de improviso e quase sempre de uma das seguintes fórmulas:

– Acento

A regra básica: a gravata deve ser mais escura do que a camisa, pelo menos um tom.

Tudo simples

A gravata preta é um dos principais acessórios universais.

Em contraste

Com camisas totalmente azuis ou brancas, podes por uma gravata de qualquer cor brilhante que gostes.

Ter em conta

Nas gravatas estampadas, uma das cores desta deve ser igual á cor da camisa.

Desordenado

Uma das formas mais comuns de combinar estampados é usá-los de tipos diferentes: quadrados e moldes (pontos/bolinhas).

Wallstreet

O contraste dá-se pela discrepância entre as linhas delgadas e padrões grossos.

Tipos de colarinhos

Tipos de colarinhos
Tipos de colarinhos

Clássico

Tens dificuldade em determinar exatamente o teu tipo de rosto? Nem redondo nem demasiado angular? Neste caso, necessitas de um colarinho clássico. Este apresenta uma altura média, por isso irá assentar-te bem.

Alargado

Os ângulos afiados e um pescoço alongado que se estende em linhas de um rosto redondo. Lembra-te, quanto mais curto o pescoço, menos altura deve ter o colarinho da camisa.

Largo 

Se tens uma cara muito delgada e com linhas muito marcadas, necessitas de um colarinho largo, chamado de cutaway. Irá assentar-te de forma mais consistente e irá suavizar os ângulos do rosto.

tie-dress-shirt-blazer-dress-pants-brogues-original-809

 

Alguns esclarecimentos

Eleger uma camisa depende do seguinte: senta-te, quanto mais justa parecer a parte de trás da camisa, mais pequena te fica, quanto mais dobras fizer, maior está.

As camisa feitas por medida, não só devem cair bem em ti, como também dão liberdade de movimento. Quaisquer que sejam os teus movimentos, a camisa deve manter-se direita.

Levanta as mãos. Se a camisa não cai sobre as calças, o tamanho da camisa é demasiado curta.

O teu índice deve caber entre o colarinho e a região íntima. Lembra-te que muitos fabricantes contam que as camisas se ajustam um pouco com a primeira lacagem.

Quanto aos punhos, a sua base deve terminar no polegar.

Tipos de tecidos e telas
Tipos de tecidos e telas

Escolhe o tecido

O material principal para as camisas é o algodão. Consoante os tipos de tecido, as propriedades da tela das camisas são destintas.

Algodão Oxford: esta tela ligeira é conhecida pelo seu tecido característico com ligeira textura. Isto torna as camisas Oxford menos formais. Uma variedade menos suave é a Royal Oxford.

Jacquard: devido ás peculiaridades do seu tecido, a tela cria um efeito tridimensional. Por vezes esta tela torna-se um pouco pesada, pelo que se deve evitar camisas com este material com estampados brilhantes.

Popelina: suave tela de algodão que se usa muito frequentemente em camisas. graças á sua estrutura, esta tela é muito resistente ás lavagens.

Flanela: Esta tela suave ao tacto pode ser feita de algodão com lã. Para o escritório podes escolher a opção mais fina, com padrões simples, como os quadrados.

Herringbone: os fios do tecido são organizados em forma de “espiga”. Da mesma forma que outras telas em forma de tecido cruzado, este caracteriza-se pela sua alta densidade e resistência á sujidade. Assim, limpar este tipo de tela é  complexo.

Mesclado: Muitas marcas fazem camisas mescladas cujos cortes e detalhes lembram as camisas antigas. Estas não têm bolso no peito e no lugar dos botões á pressão, apresentam os usuais botões planos.