Precisavas de mais uma desculpa para passar horas a jogar GTA? Parece que há um estudo que comprovam que jogar este tipo de jogos, como Call of Duty, é benéfico para o cérebro.

Publicado na revista Policy Insights from Behavioral and Brain Sciences, a pesquisa revela que os jogos podem ter até um maior  impacto positivo sobre a nossa capacidade cognitiva do que os exercícios cerebrais criados para esse propósito.

“A mensagem principal é que existem várias pesquisas que comprovam que tanto jogos de acção quanto de lógica afectam os nossos processos cognitivos de forma benéfica”, disse Aaron Seitz, co-autor do artigo e professor de psicologia na Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos.

No artigo, os pesquisadores citam um caso julgado na Suprema Corte Americana em 2011, no qual os juízes discutiram se os jogos mais “explicitamente violentos” ameaçavam o desenvolvimento psicológico-social de uma criança a ponto de “justificar restrições legais para a sua venda”.

“É claro que se passares dez horas a jogar, isso vai te fazer mal. Mas pesquisas mostram que se jogares uma hora de videojogos todos os dias, é possível notar alguns ganhos cognitivos”, disse Seitz. “Esse jogos desafiam-nos: é preciso responder a estímulos muito subtis que surgem no nosso campo de visão muito rapidamente. É preciso fazer várias coisas ao mesmo tempo — resumindo, esses jogos são uma ‘academia’ para certos sistemas cerebrais.”