Para que não te restem quaisquer tipo de dúvidas na hora de adquirires o teu novo par de sapatos, deixamos-te aqui um pequeno guia, com o nome e a descrição dos sapatos clássicos que podem e devem ser usados com fatos, e não só.

guia_gq_sobre_el_uso_de_zapatos__2282_620x

Oxford

Um par de sapatos essencial em qualquer guarda-roupa de negócios. Os mais clássicos e formais distinguem-se por terem os atacadores.

Brogues

Quanto mais decorativas são as suas perfurações, menos formais são os brogues. Para o escritório escolhe os modelos com a sola de couro, os de variações mais evidentes são para as folgas.

Derby

Dos sapatos clássicos o menos formal. A pala debaixo dos atacadores é feita no mesmo pedaço de pele que a biqueira do sapato, enquanto que as palas com os atacadores são de outra peça e cosidas a meio do sapato. São os sapatos mais comuns dos clássicos podendo ter todas as cores e acabamentos, inclusive picotado.

guia_gq_sobre_el_uso_de_zapatos__2843_620x

Loafers 

No sentido estrito, os sapatos sem atacadores são considerados menos formais, mas graças a um desenho minimalista, os loafers adequam-se perfeitamente a um ambiente de negócios.

Bicolor 

Atributo do estilo Italiano. São adequados para fatos ou para usar apenas com blazer. Também funcionam bem com trajes formais.

Chukkas

São botins curtos, geralmente em pele ou camurça. Em comparação com os sapatos baixos estes têm uma silhueta pesada. Sugere-se que sejam usados com tecidos grossos: fazenda, tela de algodão ou pele.

guia_gq_sobre_el_uso_de_zapatos__3655_620x

Double Monks 

Consideram-se menos formais devido ás suas duas fivelas em metal. Isto torna-os universais e podem usar-se também com jeans casuais.

Chelseas

Não só são os sapatos preferidos das casa de moda Britânicas, como são os mais confortáveis para levares para o escritório. Também combinam com trajes formais.

Monks 

Segundo a lenda, os monges usavam sapatos similares nos Alpes, daí vem o nome Inglês “Monks — monges”. São uma alternativa aos Oxford, para aqueles que não gostam de se entreter com atacadores.

JMB-Shoe-Shine

Como limpar os sapatos adequadamente? 

Sacode o pó com uma escova própria grande, de cerdas moles. Depois tira a terra e as manchas usando um produto especial.

Os sapatos necessitam de cuidado. A pele tem de ser “nutrida” e o melhor é um amaciador especial á base de gordura. Aplica o produto, deixa-os secar e estão prontos a usar, bem brilhantes, como se tivessem sido acabados de comprar.

Aplica creme. O creme deve ter um tom mais claro do que a cor do sapato, ou pelo menos não deve ser mais escuro. Para teres a certeza experimenta no calcanhar, aí os erros são menos visíveis.

shoe

No polimento final, passa de novo a escova grande, de cerdas moles e finaliza com um pano próprio de limpeza para dar um brilho especial.

Não te esqueças que para teres os produtos certos deves adquiri-los na sapataria onde adquiriste os sapatos, ou num sapateiro, este sabe sempre os produtos ideais para cada tipo de pele, os panos e escovas a usar. Isto porque cada pele tem o seu tratamento e numa camurça, por exemplo, não se pode usar cremes. Assim, garante que tens os produtos certos, para o material certo.