Não é só o factor preço que interessa. O corte, a cor, o tecido, a textura, entre outros aspectos também devem ser considerados. Os pontos abaixo podem ajudar na hora de comprar.

Cor – um fato vermelho até pode ser perfeito para uma ocasião em específico. Mas quererá voltar a vesti-lo? E poderá levá-lo a um casamento ou a um óbito, por exemplo? O preto nem sempre é a melhor opção, tal como os tons castanhos. O azul marinho é a melhor escolha;

Estilo – o mais indicado é o que possui casacos com dois botões;

Figura – os ombros têm que encaixar, esta é a regra mais básica de todas. As mangas também devem estar ‘no ponto’, assim como o comprimento do casaco.

Preço – este é o aspeto que mais ‘pesa’ na decisão, contudo há que saber fazer a ligação ‘qualidade-preço’, sendo mais coerente optar por um modelo mais caro, mas com qualidade.