Ao preparares a tua indumentária, deves pensar em cada peça de roupa com atenção. A tua camisola, as tuas calças, os teus sapatos — tens de avaliar tudo.

Mas e em relação ao cinto?

Desde uma noite num bar, ao correr de escritório em escritório à tarde, o cinto certo pode ser a ligação final para impulsionar o look correcto. Aqui estão os três tipos de cintos que todo o homem deve ter no seu armário, para estar preparado para qualquer ocasião.

O cinto de fato

O cinto de fato
O cinto de fato

Não deixes que um cinto robusto, pesado, desvie a atenção do teu fato ou chinos. Escolhe um cinto que é da largura do teu polegar. Se for mais largo do que isso, irá parecer demasiado casual.

Recomendamos que invistas num preto pois é o mais versátil. Tens de diferentes tipos, com a fivela fina e elegante em cor de prata ou mesmo preta.

O cinto casual

Cinto Casual

Para um look mais casual, que não pareça que estás em serviço, um bom cinto de pele — este tem uma elevada durabilidade e mesmo com o passar do tempo, o seu desgaste ainda tem algum charme.

Dentro dos cintos, os em pele são os mais confortáveis e podes consegui-los em preto ou castanho, embora o castanho seja o mais casual.

O cinto desportivo

Cinto desportivo:
Cinto desportivo

O cinto desportivo é aquele cinto mais divertido e deves pensar nele como pensas nas meias divertidas: são um acessório. Estes vão dar um pouco de personalidade á tua indumentária e mostram que te preocupas com os detalhes.

Tens vários modelos, em trança, em tecido, com padrões mais ou menos discretos, podes combiná-los com chinos ou jeans, para um look menos casual.