Testar em diferentes tipos de superfícies e numa variedade de climas permite que os engenheiros da Ford afinem as respostas e a distribuição binária dos sistemas Inteligentes de Tracção Integral, e os testes fora de estrada sob temperaturas elevadas levaram ao desenvolvimento de condutas protectoras que optimizaram o fluxo de ar na caixa de transferências para maior durabilidade.

A Ford desenvolve estas tecnologias em condições desafiantes, desde os duríssimos desertos, ao Círculo Polar Árctico e à pista de testes secreta da Ford em Lommel, Bélgica, para garantir que os seus clientes podem esperar tracção e durabilidade optimizadas.

ford range

Bem no interior do californiano deserto do Mojave, entusiastas de desportos radicais, pilotos de quad’s, de motos e de radicais “buggies” tubulares sobem e descem vertiginosas dunas de areia. 

Ali perto, os engenheiros da Ford mantêm uma distância de segurança para aqueles amantes de emoções fortes, enquanto repetem exaustivas voltas de 16 quilómetros sem parar através das dunas, sob um calor tórrido de 38 ºC, por vezes mais, para desenvolver e testar o sistema Inteligente de Tracção Integral para o novo “sport utility vehicle” Ford Edge. 

O sistema Inteligente de Tracção Integral da Ford mede até que ponto as rodas do carro estão a aderir à superfície da estrada e consegue distribuir de forma homogénea o binário pelas quatro rodas em menos de 20 milissegundos – vinte vezes mais rápido que um piscar de olhos – para garantir uma maior estabilidade e segurança aos condutores especialmente em condições escorregadias.

A Ford propõe também a Tracção Integral Ford Performance para o seu desportivo Ford Focus RS para optimizar a performance tanto na estrada como em pista, bem como um sistema de quatro rodas motrizes seleccionável pelo condutor para a pick-up Ford Ranger e um sistema Inteligente de Tracção Integral específico para a Transit van enfrentar os mais duros terrenos “off-road”.