O fim-de-semana já passou mas vale a pena a dica. Parece que para quem não descansa o suficiente durante a semana, pode compensar aos fins-de-semana.

Um estudo da Universidade de Chicago revela “que bastam duas noites de sono prolongado para inverter os efeitos metabólicos negativos causados por quatro noites consecutivas de restrição de sono”, explica Josaine Broussard, responsável pela investigação e professor.

“[Os resultados] dão-nos esperança de que se [a pessoa] não puder dormir o suficiente durante a semana, deverá tentar de qualquer forma recuperar o sono assim que possa e dormir o máximo possível para compensar a privação”, explicou o especialista.

Broussard explica que o estudo “mostra que uma pessoa adulta jovem e saudável, que esporadicamente não dorme horas suficientes durante a semana de trabalho, pode reduzir o seu risco de diabetes se compensar o sono durante o fim de semana”.

Acontece que este não é um estudo de longo prazo. “Nós não sabemos se a pessoa pode recuperar caso o seu comportamento se repita todas as semanas”, ressalvou o investigador.