Maria Sharapova está a sofrer as consequências de ter acusado positivo num controlo antidoping durante o Open da Austrália.

Primeiro, foi a Nike a anunciar que iria suspender o contrato de patrocínio que mantinha com a tenista russa. Pouco depois, seria a Tag Heuer a revelar que não tinha intenção de continuar a apoiá-la.

Feitas as contas, Sharapova já perdeu um total de 29 milhões USD em patrocínios em menos de 24 horas, números que, segundo aponta a imprensa internacional, podem aumentar nas próximas horas.