Nadir Tati é uma das estilistas angolanas já habituadas ao ModaLisboa e nesta 46ª edição foi uma das criadoras que fechou o último dia de desfiles.

A colecção de Nadir é o reflexo das “Voz de Angola”. Uma homenagem a todas as mulheres africanas. Independentemente da perceção de um subdesenvolvimento geral, a estilista, que domina cada vez mais a Alta Costura africana, procurou influência na classe que quer ascender a uma melhor qualidade de vida e assegurar um posicionamento futuro da mulher, associando o desenho, o glamour, o estilo e a Arte da Moda que é produzida em África para um mercado de Luxo Internacional.

Uma coleção diferente, com linhas simples e fluidas, uma fusão de tecidos e texturas que acompanham deslumbrantes vestidos pretos, vermelhos e dourados com bordados e pedras adicionadas à mão. Rendas, organzas, sedas e o tradicional super wax africano completam a coleção.

A transparência e a sensualidade juntam-se à noite africana de turbantes, sandálias e colares dourados feitos à mão e desenhados exclusivamente para a coleção.