A Toyota leva os seus fãs a um sólido regresso a 2009, revelando um conceito vivo do icónico “Hachiroku”, da série cómica Japonesa Initial D, antes de introduzirem oficialmente o GT-86, em 2012.

O carro evoluiu mais recentemente no FRS Scion, mas agora que a Toyota está numa recriação da marca, significa que o veículo está de volta com o emblema Toyota, em 2017, deixando de lado o “GT”, a favor de um simples apelido de “86”.

Completamente inspirados pelo antigo GT, a nova visão do cupê de tracção traseira, emprega uma ingestão de grandes centrais de ar e pára-choques redesenhados, faróis de nevoeiro, faróis LED e indicadores de rodas.

Outras modificações incluem uma suspensão optimizada com novos amortecedores, sendo efectivamente baptizada FR-S, mais ágil, mas mais fácil de manusear do que qualquer um dos anteriores.

Debaixo do capô, apresenta um motor de 4 cilindros, 2.0 litros — ostentando 205 cavalos de potência e 156 lb de torque, acoplado a uma transmissão manual de seis velocidades. O 86 terá um sistema “Hill Start Assist”, que evita deslizamentos em subidas íngremes.