Já não existe qualquer dúvida de que Big Nelo é um dos maiores pilares da música urban feita em Angola. Pode ser arriscado, mas afirmo sem medo, que é o maior rapper dos últimos 20 anos, com base tanto no tempo de actividade como no número de hits que já lançou, quer se goste ou não.

O grupo B26 formado pel'”A lenda”, que integra CEF, Lil Saint e o “Último Rapper” Young Double, lança hoje, 26, “O Legado da Lenda”. Diz a estória que, nenhuma parceria feita entre Big Nelo e qualquer outro artista deu errado, logo esta obra tem sucesso garantido e não será apenas em Angola. Não é do sucesso dos B4 que vive a fama de Big Nelo no mercado português, ou se preferirem PALOP. Lembram-se dos SSP, certo?


Esta introdução serve para realçar o que é realmente o Legado da Lenda. Parece evidente não? Young Double é o pupilo que Big está a preparar para ser o seu sucessor.


O kota juntou duas grandes vozes do R&b/Zouk, CEF e Lil Saint e faltava o rapper. Não qualquer um. Tinha de ser “o tal”, para completar a máquina de fazer sucessos que pode vir a ser a B26.

A procura de Big começou por ouvir opiniões de terceiros sobre o @PaiDoDnzl. Só assim poderia começar a compor a sua lista de candidatos entre os mil rappers da nova (que nascem todos os dias!).

Vui Vui, dos Calibrados, foi o canal certo que conduziu o ex-SSP até Young Double. Depois de ouvir uma compilação dos melhores trabalhos do jovem artista, estava encontrado o candidato perfeito para fechar a B26.

A boa aparência, a capacidade e facilidade de adaptação e sensibilidade musical foram os ingredientes destacados para a escolha.

Neste álbum da B26 cada artista possui duas músicas a solo, o que permitirá dar brilho individual sem sobreposições de egos, tanto a nível coletivo como individual.

Quanto a Young, tem provado todos os dias, desde que tocou num micro pela primeira, que é o verdadeiro herdeiro do legado de Big Nelo, como rapper de referência na indústria hip hop angolana. 

#tadoce #dia26 #OLEGADODALENDA

Um vídeo publicado por Big Nelo???? B26-Entretenimento (@bignelokarga) a

Big Nelo, 20 anos passados, ainda tem tempo muito para dar para dar à música nacional, mas esperamos que continue a abrir portas para novos artistas assim como abriu para Cage One, JD, C4Pedro e agora para CEF, Lil Saint e Young Double, e que este último mostre que não foi por acaso que foi escolhido.

O ponto assente é que, qualquer um deles tem as portas abertas para o mercado internacional, basta agarrar a oportunidade.