Binelde Hyrcan leva “Cambeck” à primeira edição de Nuit Blanche Monaco

Binelde Hyrcan é o representante angolano da primeira edição da exposição Nuit Blanche Monaco de arte contemporânea, a realizar-se no dia 29 de Abril.
Com curadoria de Jörg Heiser, conhecido crítico de arte e co-editor da revista Friez, o tema será: “O prazer de descobrir coisas” uma citação de Richard Feynman, um físico premiado com Nobel.
A mostra vai contar com a presença de cerca de 30 artistas e várias formas de arte.

O projecto estará representando também por Saadane Afif (França, vencedor do Prémio Príncipe Pierre Foundation em 2006), Doug Aitken (Estados Unidos), Shana Moulton (Estados Unidos), Daniel Steegmann Mangrané (Espanha), Henrik Håkansson (Suécia), Chassol (França) e Gabriel Lester (Holanda)”. Binelde Hyrcan será o único angolano presente.

O angolano trabalha com instalações, performances, desenho, cinema, pintura, escultura, design entre outros, apesar de recentemente ter exposto a sua colecção de galinhas no Palácio de Ferro, na III Tirenal de Luanda, vai levar para Monaco o projecto vídeo “Cambeck”.

 

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.