A fase de grupos da Liga dos Campeões de África vai passar de oito para 16 clubes a partir de 2017, anunciou Issa Hayatou, presidente da Confederação Africana de Futebol (CAF).

Hayatou explicou aos dirigentes de futebol africano, à margem do Congresso da FIFA que decorre no México, que o novo formato da competição terá quatro grupos de quatro equipas cada um durante a primeira fase.

Desde o lançamento da Liga dos Campeões africanos, em 1997, que a primeira fase da prova foi sempre disputada por dois grupos de quatro equipas.

A Taça das Confederações de África, equivalente à Liga Europa, também terá a participação de 16 equipas a partir de 2017.