O estado da confiança depositada nas instituições políticas é um dos melhores pontos de avaliação da saúde de uma democracia.

O Afrobarometer realizou um estudo em 11 países africanos, onde a Namíbia é a nação onde a política mais inspira confiança. Em último lugar foi identificado o Malawi e a nível dos PALOP, apenas Moçambique foi auscultado.

No inquérito foram observados vários factores, que se concentram na estrutura e gestão das instituições, sobre a percepção pública dos funcionários que gerem as instituições e sobre o desempenho institucional.

afrobarometer-trust-in-presidents-graph-ad90

Realizado entre Agosto e Setembro, a África do Sul, que  já atravessava dificuldades económicas e o caso de corrupção Nkandla, revelou que a maioria dos seus cidadãos, 66 por cento, não confiam nos políticos e funcionários públicos. A confiança no presidente do país é menor de todas as 18  instituições e líderes que a pesquisa aferiu.

No top estão a Namíbia, em primeiro, seguida pelo Botswana e Zimbabwe.