Um escritório especialista em ciência defende que as pessoas que estão constantemente atrasadas podem estar a sofrer de alguma forma de insanidade.

Estas pessoas têm dificuldades em chegar a tempo devido à forma como veem o tempo e podem ter uma “bizarra compulsão de se bater a si próprios” ao fazer planos que sabem que não conseguem manter, como descreve Tim Urban à The Time.

O escritor criou até um acrónimo para descrever estas pessoas: Clips, ou ‘chronically late insane people’ (pessoas insanas cronicamente atrasadas, em tradução livre).

De acordo com o escritor, há três razões para os ‘Clips’ chegarem atrasados com tanta frequência: alguns estão em negação em relação à forma como o tempo funciona, outros “têm uma aversão a mudar circunstâncias” e outros estão “zangados” consigo próprios, como reporta a publicação britânica The Times.

Apesar de reconhecer a tendência que algumas pessoas têm para chegar atrasadas, vários psicólogos e cientistas destacam que esta não é um transtorno médico.