Morreu o actor italiano Carlo Pedersoli, conhecido de todos como “Bud Spencer ” (Bambino), esta segunda-feira ao final da tarde, em Roma. Tinha 86 anos.

A notícia foi dada pelo filho Giuseppe que, citado pelo jornal La Stampa, afirmou: “O papá voou serenamente às 18h15. Não sofreu, estava rodeado por todos nós e a sua última palavra foi ‘obrigado’.”

A família Pedersoli usou também o perfil do actor no Twitter para anunciar a sua morte.

Nascido na cidade de Nápoles, em 1929, viu a carreira de actor chegar já aos 40 anos. Antes, Pedersoli foi nadador olímpico, licenciou-se em direito e chegou a escrever letras para canções. O nome artístico em inglês, comum nas produções italianas da época, surgiu da mistura entre uma marca de cerveja e o nome da estrela norte-americana Spencer Tracy.

Nos anos 70, Bud Spencer, tornou-se uma figura popular do cinema de acção ao lado de Terence Hill, em spaghetti westerns como “Trinitá – Cowboy Insolente” (1970), ou “Vamos a Isto Rapazes” (1972), e a solo em policiais de ação como “O Inspetor Martelada (1973) e “O Xerife Quebra-Ossos” (1979).