Usain Bolt é o Atleta do Ano

Usain Bolt, o maior velocista de todos os tempos, foi distinguido como o Atleta do Ano pela Federação Internacional de Atletismo, pela sexta vez na sua carreira. Na versão feminina do prémio, a etíope Alma Ayana foi a eleita.

“Vivo para momentos em que entro no estádio e ouço o público gritar por mim. E os Jogos Olímpicos do Rio foram fantásticos nesse aspeto. Foi pelos adeptos que decidi continuar mais um ano. Eles não querem que eu termine a carreira. Tenho de lhes agradecer”, disse Bolt.

Ninguém estranhou a vitória do jamaicano, depois de ter conseguido o inédito “triplo-triplo”, vitórias em 100, 200 e 4×100 metros, nos Jogos Olímpicos do Rio.

A um ano do anunciado fim de carreira, já marcado para depois dos Mundiais de 2017, Bolt é de longe o atleta que mais vezes foi considerado o melhor do ano, com o dobro de distinções do marroquino Hicham el Guerrouj, melhor corredor de sempre de 1.500 metros.

Almaz Ayana

Almaz Ayana

A grande vencedora da noite foi também a etíope Almaz Ayana que conquistou o prémio na versão feminina. Aos 24 anos, Ayana é a mais recente estrela etíope, que brilhou nos JO, depois de ter feito uma corrida solitária onde bateu o recorde do mundo por 14 segundos. Dias depois ainda conquistou o bronze na final dos 5.000 metros.

TRABALHO DE PRETO
nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.