A morte de Fidel Castro gerou à volta do mundo um reboliço de reações políticas, umas mais polémicas que outras. Preferimos deixar as questões diplomáticas para quem de direito e aproveitamos o pretexto para relembrar uma das atracções turísticas mais conhecidas de Cuba, os carros.

Desmond Boylan/Reuters
Desmond Boylan/Reuters

Moskvitch 2141 | Flickr
Moskvitch 2141 | Flickr

Jeff Zurschmeide/Digital Trends
Jeff Zurschmeide/Digital Trends

Anthony Taubin
Anthony Taubin

AMV Hell
AMV Hell
Considerando que, depois da viagem de Barack Obama e a possibilidade de levantamento do embargo que dura há mais de 50 anos, as relações entre Cuba e o Ocidente, podem vir a melhorar francamente, seja a nível político ou económico. Bom, se pensarmos em Trump se calhar não será bem assim, mas continuemos.

Plymouth | Don Warnick
Plymouth | Don Warnick

Oldsmobile 98 | Jack Manning/The New York Times
Oldsmobile 98 | Jack Manning/The New York Times

Lada 2101 | Enrique De La Osa/Reuters
Lada 2101 | Enrique De La Osa/Reuters

Geely Emgrand EC7 - Este é um dos modelos mais recentes da ilha, de fabrico chinês e que quase todos os governantes possuem | AutoMotoTube
Geely Emgrand EC7 – Este é um dos modelos mais recentes da ilha, de fabrico chinês e que quase todos os governantes possuem | AutoMotoTube

Ford Fairlane | NEC Cuba
Ford Fairlane | NEC Cuba
Essa melhoria pode vir a transformar-se naquilo que chamamos de avanço tecnológico, que consequentemente poderá vir a acabar com os clássicos carros cubanos que populam cidades como havana, Santa Clara, Santiago de Cuba, Bayamo e Cienfuegos.

Nós por cá, achámos que é um bom momento para recordar alguns desses bólides que, dentro de alguns anos, poderão deixar de existir. Vê as fotos acima.