Já te imaginaste a ver filmes e séries através de uma lente de contacto? Parece uma ideia demasiado futurista e louca para ser verdade, certo? No entanto, na opinião do CEO da Netflix, Reed Hastings, a ideia é uma possibilidade para o futuro.

A série “Black Mirror” já nos mostrou essa possibilidade. “Se a realidade virtual ‘descolar’ iremos adaptar-nos a isso. Se for lentes de contacto com poderes fantásticos, iremos adaptar-nos a isso”, afirmou Hastings durante o Mobile World Congress.

“O que é incrível sobre tecnologia é que é muito difícil de prever. Se começasses há dez, 20 ou três anos, muitas poucas pessoas seriam capazes de prever o que está a acontecer hoje. O que fazemos é tentar aprender e adaptar, em vez de apenas comprometer-nos com um ponto de vista do que se poderá passar. Somos muito flexíveis e aprendemos à medida que avançamos”, explicou Hastings.