O Paris Saint Germain foi a casa do Barcelona, esta terça-feira, com uma vantagem confortável depois da vitória por 4-0, na primeira mão. A equipa da Catalunha precisava de vencer por uma vantagem de cinco golos caso a equipa francesa marcasse fora, para poder avançar para os quartos-de-final da Liga dos Campeões. Escusado será dizer que, quando no plantel se têm jogadores como Messi, Suarez e Neymar Jr. tudo fica mais fácil.

Em Camp Nou, foi feita história, a perder por 5-3, no conjunto das duas mãos, ao minuto 88 da partida, a equipa espanhola foi capaz de marcar em sete minutos os três golos necessários, e escrever este como um dos jogos mais controversos da história do futebol europeu. Foi o livre bem marcado de Neymar e o pénalti convertido, seguido do golo de Sergi Roberto, ao cair do pano, que fecharam o marcador com a vitória do Barcelona.

O clube da capital francesa, viu terminar a sua participação pelo oitava ano consecutivo, na Liga dos Campeões.