Por que nos devemos descalçar ao entrar em casa

É fácil perceber que quando nos descalçamos ao entrar em casa não só ajudamos a manter o espaço mais limpo e longe de bactérias. Para quem ainda não tem esse hábito, há três novos estudos que nos fornecem dados alarmantes sobre a qualidade de bactérias que podem estar nas solas dos sapatos e que colocamos deliberadamente dentro de casa.

De acordo com um dos estudos realizados pela Universidade de Houston, 26,4% das 2500 amostras de sapatos que os investigadores analisaram transportam o coliforme (tipo de bactéria) ‘Clostridium difficile’, que pode provocar dores de estômago e diarreia.

Já um estudo realizado por investigadores austríacos e apresentado em 2015 descobriu que pelo menos 40% dos sapatos dão ‘boleia’ a ‘Listeria monocytogenes’ – uma espécie de bactéria capaz de provocar doenças em seres humanos, como meningite.

Um estudo de 2014 concluiu que 96% dos sapatos podem conter E coli, bactéria presente nas fezes. E outra investigação, realizada pela Universidade de Baylor, nos Estados Unidos, mostrou que quem vive perto de estradas asfaltadas com alcatrão de hulha, um líquido escuro derivado do carvão, tem um maior risco de desenvolver cancro devido às toxinas levadas pelos sapatos para dentro de casa.

É importante referir que as bactérias que se vão espalhando pela casa à medida que lá caminha com os sapatos que usou na rua também se multiplicam rapidamente devido ao calor e humidade que se pode encontrar nas paredes, tapetes ou carpetes.

BANTULOJA
nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.