Os produtores musicais e directores artísticos de festivais a nível internacional que participam na V edição do Atlantic Music Expo (AME-CV), a acontecer de 10 a 13 de Abril, na cidade da Praia, Cabo Verde, destacaram a qualidade e o talento dos artistas nacionais.

Contactados pela agência cabo-verdiana de notícias, após os “daycase” do terceiro dia do AME, alguns preferiram não avançar nomes dos que pretendem levar para os festivais e outros projectos, limitando apenas em elogiar “qualidade” da música cabo-verdiana e dos seus artistas.

A produtora brasileira Geovana Jardim, que organiza o festival “Vozes de Mestres – Encontro Internacional das Culturas”, avançou que tem interesse de ver a música cabo-verdiana neste festival brasileiro, destacando o batuque. Um ritmo muito já conhecido no seu país como tradicional, existente em vários quilombos. “Cabo Verde é um país que respira a música, que faz a gente sentir isso, aonde a gente passa”, enfatizou.