A MOV´ART Gallery foi selecionada pela primeira vez, para participar na 1:54 Contemporary African Art Fair, que acontece entre 5 e 7 de Maio, em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América. Será a primeira vez que que uma galeria angolana estará representada.

A 1:54 Contemporary African Art Fair é a principal feira internacional para projectos e práticas artísticas africanas ou relacionadas com África. O nome é uma referência aos 54 países que constituem o continente africano e resume um dos seus principais objectivos: dar visibilidade à produção múltipla e diversa do continente junto a uma audiência internacional, promovendo o envolvimento de coleccionadores, instituições culturais e audiências mais amplas com a cena da arte contemporânea africana.

Para a MOV´ART Gallery, esta é uma oportunidade única e um motivo de orgulho representar a arte contemporânea angolana numa das principais praças de arte do mundo. É uma grande janela que para o país mostrar a qualidade dos artistas angolanos. Com edições bianuais em Londres e Nova Iorque, este ano, a Feira receberá nove novas galerias, que inclui a MOV´ART Gallery, que se fará presente com o artista angolano Ihosvanny, com a exposição “Insomnia City”, curada pelo artista também angolano Kiluanji Kia Henda.

Ihosvanny é um artista autodidata e membro do “Movimento Nacionalista” em Angola. É parte da nova geração de artistas angolanos nascidos após a independência do país. O seu trabalho concentra-se no urbanismo, seus aspectos físicos e psicológicos. A sua experiência artística começou em Cuba, onde viveu por vários anos e expos pela primeira vez. Já apresentou-se em mais de uma dúzia de exposições (individuais e coletivas) em Angola, no Brasil, França, Itália, Portugal, Espanha, Uganda e nos EUA. Esta será sua primeira participação na 1:54 Contemporary African Art Fair.

Nesta edição de 2017 em Nova Iorque, a Feira receberá 19 galerias, com mais de 60 artistas contemporâneos de perfil emergente e estabelecido nas artes plásticas.