Mauro Macilau

Mário Macilau é convidado do Festival Internacional de Fotografia norueguês

Começa hoje o Festival Internacional de Fotografia da Noruega 2017, onde um dos principais convidados é o reconhecido fotógrafo moçambicano Mário Macilau. O evento decorre até ao dia 7 de Maio, na cidade de Kristiansund, na costa oeste do país.

De passagem pela Europa, Macilau já passou por Lisboa, Madrid, Munique, Paris, Amesterdão, Roma, Londres e Oslo onde teve a oportunidade de estabelecer contacto com agentes culturais para futuros trabalhos.

O Festival Internacional de Fotografia da Noruega foi criado há cerca de dez anos, por amantes da fotografia e organiza exposições e actividades com os nomes mais influentes da fotografia contemporânea.

Mário Macilau teve o seu primeiro contacto com uma câmara fotográfica aos 14, quando vivia nas ruas de Maputo. Autodidacta por natureza, Macilau aprendeu a manobrar o aparelho sozinho, enquanto ao mesmo tempo aprendia inglês no dia-a-dia das suas tarefas como voluntário em ONG’s.

“Uma dia, em 2007, tinha 23 anos, um tipo que eu conhecia trouxe-me uma câmara. Era um Nikon FM2, uma câmara analógica. Foi-lhe dada pela família portuguesa para quem ele trabalhava, mas ele não fazia ideia de como a usar e pensou que poderia vender-ma. Eu não tinha dinheiro, mas a minha mãe tinha acabado de comprar o seu primeiro telemóvel, que acabou por me dar por ser eu a levar o “pão” para casa. Então troquei o telefone pela câmara”, revelou o fotógrafo a uma entrevista à BBC.

Hoje, Macilau é um fotógrafo profissional, focado em projectos de âmbito social, político e cultural e já expôs o seu trabalho em vários países.

TRABALHO DE PRETO
nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.