Há pouco tempo escrevemos sobre DJ Caíque e o seu projecto Coligações, que desta vez contou com a participação de NGA, entre outros rappers brasileiros. Neste mesmo trabalho, Caíque revelou esta quinta-feira de noite nas redes sociais que Piruka também devia ter participado. Contudo, parece que as “negociações” com o artista da Madorna não correram como o esperado.

O produtor e beatmaker brasileiro explicou que convidou Piruka para participar no seu projecto em Janeiro de 2016 e que este teria aceitado, tendo inclusive convidado Caíque para participar no seu álbum, A Clara, entretanto lançado no início deste ano.

Caíque produziu vários beats, Piruka escolheu quatro, dois seriam para usar no seu álbum e outros dois seriam para produzir duas músicas, uma para Caíque e outra para o rapper Caligari.

“Então, a partir daí, ele foi logo e fez as duas músicas para o disco dele, e falou que já tinha escrito a música para o disco do Caligari, depois de um mês pedi para ele gravar pois já estava com o disco do Caligari quase pronto, e ele me disse que foi para o estúdio e gravou, e só faltava enviar… E nisso se passou um mês, dois meses, e nada”, revelou o produtor numa longa exposição no Facebook.

Com o passar do tempo, Caíque deixou de conseguir obter resposta do rapper português em relação às duas músicas e acabou por optar por tratar do assunto como um negócio. “‘Man, não precisa mais mandar a música, como era uma parceria e você não cumpriu com o que você falou, então isso vira negócios, então quero receber pelos meus dois beats que você usou, e segue seu caminho, isso é o mínimo que você pode fazer em respeito ao meu trabalho’. Ele responde depois de alguns dias que ok e mil desculpas, não tem tempo etc, ‘vou te pagar pelas batidas’, assim disse ele…. Falei para ele me pagar pelo Paypal, ele falou que não tinha, ok, eu mandei uma conta bancária de um amigo meu de Portugal para facilitar para ele depositar, e faz três dias que ele falou que depositou… e cadê?!”, volta a retorquir o DJ Caíque.

Caíque revela que as produções enviadas são os maiores sucessos do rapper, “Ka Bu Fila Ma Nau”, com a participação de Mota JR, e que reúne no YouTube quase 11 milhões de visualizações, e “Se Eu Não Acordar Amanhã”, com quase 9 milhões de views.

A BANTUMEN tentou contactar o manager do rapper da Madorna, mas sem sucesso. Contudo, esta manhã, Caíque comentou o seu próprio post, indicado que já conseguiu obter resposta de Piruka: “Graças a esse post ele me deu uma atenção especial, trocamos uma ideia sem ele responder e sumir… e falou que amanhã vai estar na conta…” Ao que parece, o assunto ficou resolvido e DJ Caíque chegou inclusive a apagar a publicação onde denunciou a situação.

Entretanto, as redes sociais de Piruka foram sido inundadas de mensagens com a hashtag #PagaOCaique.