A primeira edição dos PALOP Music Awards (PALOPMA), evento musical que vai laurear os melhores da música dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), acontece em Cabo Verde em Novembro deste ano.

O anúncio foi feito esta terça-feira, pela coordenadora de comunicação dos Cabo Verde Music Awards (CVMA), Soraia de Deus, no final da sétima edição do evento, garantindo que “o projecto PALOP Music Awards já é uma realidade e agora é trabalhar”.

+ Nelson Freitas e Djodje, os grandes vencedores do CVMA 2017

Os PALOPMA vão decorrer anualmente, após a realização das premiações de música dos países que integram o grupo lusófono, Cabo Verde, Angola, São Tomé e Príncipe, Moçambique e Guiné-Bissau.

Esta iniciativa, anunciada em 2016, vai premiar os melhores da música dos cinco países que integram os PALOP, ou seja, a gala contará com cinco artistas nomeados, mais do que os três nas galas nacionais, em que os vencedores de cada país serão automaticamente nomeados.

Considerado como a “liga dos campeões dos palcos” dos PALOP, pelo mentor dos CVMA, Gilyto Semedo, o evento agora tem o “grande desafio” de angariar patrocinadores. “É um projecto ambicioso, que todos irão receber de braços abertos porque é algo que só vai promover os artistas e a música dos PALOP. Também irá trazer uma união, onde depois será mais fácil fazer a música dos cinco países entrar na Europa, na América e na Ásia”, defendeu o também presidente dos CVMA.