Rolls Royce de edição limitada avaliada em 13 milhões de dólares

O Rolls Royce Sweptail pode vir a ser o carro mais caro do mundo depois de estimativas o terem avaliado com um preço a rondar os 13 milhões de dólares. Os criadores deste veículo que teve a sua estreia no Concorso d’Eleganza em Itália, foram buscar a inspiração ao tradicional carro da Rolls Royce nos anos de 1920 e 1930. Este foi um carro feito por encomenda onde o cliente e a marca quiseram combinar o aspecto vintage com a tecnologia dos dias de hoje.

“Foi o indivíduo que apresentou a sua própria ideia ao departamento de marketing da Rolls Royce de criar um carro assim. Um motor dos dias de hoje, com a cauda dos Rolls Royce que víamos em 1920 e 1930, que tanto encantavam ao cliente.” Estas foram palavra da marca escritas num comunicado à imprensa.

Este carro de duas portas é uma versão única com diversas actualizações e com detalhes tradicionais dos Rolls Royces. O tejadilho termina na cauda foi uma personalização pedida pelo cliente. Segundo a informação divulga à imprensa o cliente é um entusiasta de carros de corrida e da Rolls Royce que quis criar algum novo.

“Sweptail é um Rolls Royce criado, desenhado e trabalho ao detalhe para corresponder aos parâmetros de um cliente especifico” disse Giles Taylor diretor criativo da Rolls Royce.

TRABALHO DE PRETO
nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.