bad

Bad promete que “vai dar bum” em 2017

“Vai Dar Bum” é o último trabalho de Bad, conhecido antigamente como Bad News, produzido por Vinny Q. Nascido em Luanda, Álvaro Almeida já conta com quase 10 anos de trabalho dedicado ao mundo da música. Recentemente, juntou-se à B-music e a Wilsoldiers, com o objectivo de cimentar um lugar em definitivo no mercado.

Ler + “Come Through and Chill” com Miguel e J. Cole

Bad chegou a Portugal, em 2003 e desde muito cedo que a sua ligação à música começou. Sempre de ouvido colado ao grupo Inquisição, do qual faziam parte Tiganá, Diga, Reptile e Neutro, acabava por improvisar muito. O rap foi o estilo introdutório no mundo da música.

Enquanto jovem, andava de um lado para o outro, em batalhas de freestyle, de forma a aprender muito mais. Mais tarde, fundou o grupo Artilharia Pesada, composto por Bad, Hiphopkeiro, Manzana e Samora. Com o quarteto, a criança que nasceu na zona do Maculusso, começava a cumprir sonhos e a dar os primeiros passos.

Ao lado de Hiphopkeiro, Manzana e Samora, acabou por expandir os seus horizontes e adoptar outros estilos. Ao longo do tempo, trabalharam com artistas como a Força Suprema. Mas nem tudo corre como nós queremos, e o grupo Artilharia Pesada acabou por não lançaram nenhum álbum.

No currículo, Bad conta ainda com a vitória num concurso de fresstyle da H2Tuga. Mas foi no regresso a Luanda, em 2007, que relançou a carreira. Desta vez, a solo e com a ajuda da Eterninho  Produções. Em 2010, teve o seu primeiro hit single, com “O Teu Fã Número 1”. Faixa que contou com a participação especial de Dji Tafinha.

Passou a ser membro da FREAKSHINO, label de Dji Tafinha, gravaram o video de “O Teu Fã Número 1”, em Moçambique, quando, em 2011, teve que colocar em stand by a sua carreira. Decidiu terminar os estudos e só voltou à acção em 2013, com a ajuda de Lil Saint.

“Clima” foi a música que marcou o regresso de Bad, com um videoclipe gravado por Wilsoldiers, focado em mostrar o seu valor profissional. A viagem de Bad tem sofrido alguma turbulência com pequena paragens em várias editoras como a Billy Family e a Epic Fusion.

Apesar da grande perspectiva e promessa que sempre apresentou com o seu talento, ainda não atingiu os resultados que gostaria. Depois de um longo intervalo de reflexão, 2017 parece ser o ano de afirmação de Bad. Com a produção, de Elji e colaboração de Mika Mendes, apresentou o single “Tá te Trair.”

Agora, lado a lado, com a B-Music e Wilsoldiers, Bad traz a faixa “Vai Dar Bum.” Como o próprio diz: “Um som que retrata união e o respeito para com a nossa família. Não podemos passar por cima de ninguém para conseguir as coisas e mesmo que me queiram faltar ao respeito eu vou manter-me firme.”

Antes de 2017 terminar, o cantor promete que vai divulgar mais duas músicas e dois videoclipes, para compensar a sua ausência.

nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.