O artista britânico-ghanês Neequaye Dreph Dsane retrata a imigração em verdadeiras obras de arte pintadas em murais nas ruas londrinas. Pintar uma imagem positiva – literalmente – de imigrantes na Grã-Bretanha, numa época em que sente que os imigrantes são cada vez mais caluniados pela gentrificação, Brexit e o pelo cada vez mais visível nacionalismo extremo.

O muralista tem estado debaixo dos holofotes desde o ano passado, em que fez uma impressionante série de retratos de rua comemorando o empoderamento das mulheres negras.