Austrália, Brasil, Canadá, França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido são os oito países que, até agora disponível apenas nos Estados Unidos, vão receber o serviço de compras do Instagram.

Esta experiência de compra permite às empresas marcarem os seus produtos para venda em “posts” orgânicos, isto é, que não necessitam de qualquer tipo de investimento financeiro.

Para o utilizador, basta clicar num post marcado no feed ou no botão de compras de um perfil de negócios, para se saber mais sobre um determinado produto.

As empresas interessadas em utilizar esta funcionalidade só têm de marcar um produto na aplicação, da mesma forma que se marca uma pessoa numa fotografia.

De acordo com o Instagram, há cada vez mais empresas a utilizarem este recurso para chegarem aos clientes, “tornando a experiência de compra menos transacional e mais acionável” e à distância de um clique, uma vez que não é necessário sair-se da aplicação para se efetuar uma compra.