South Music é o mais recente grupo de rap da margem sul do Tejo, que pretende manter o nome da zona no top do hip hop feito em português.

Composto por seis elementos, o grupo chamou a atenção dos produtores da Head Bangerz, Bruno e Fumaxa, com o primeiro single “Fast Food”, lançado no primeiro trimestre deste ano.

A Margem Sul é uma zona com uma grande população imigrante ou descendentes de imigrantes de primeira, segunda e terceira geração, sobretudo de origem africana. E é desta diversidade étnica e cultural que os South Music bebem e produzem a sua música.

Juntámos cinco dos seis elementos dos South Music para conversar e saber mais sobre como surgiu o grupo.

É quase impossível falar de rap na lusofonia sem falar de alguns nomes do sul do Tejo como Bambino, Blasph, Chullage, Mortex, Ne Jan, Malabá e Kosmo Da Gun. Nomes que estão no ativo há mais de 20 anos, e que vêm surgir agora uma nova vaga de artistas que querem ajudar a perpetuar o legado do hip hop feito na Margem Sul.

Foto: BANTUMEN /Miguel Roque

GCode, 20 anos, de origem angolana, é o responsável pela fundação do grupo, além de ser o manager. Depois de ter chegado de Itália, onde estava a trabalhar, encontrou o bairro e os seus amigos envolvidos em conflitos de rua, que culminaram na detenção de alguns elementos. A situação em si motivou GCode a juntar os seus amigos e procurarem juntos uma saída da “armadilha das ruas”, fazendo o que mais gostam: música.

Foto: BANTUMEN /Miguel Roque

Dice nasceu em São Tomé, é um dos mais velhos dos grupo e o que faz rap há mais tempo. O seu talento revelou-se depois de ter lançado o EP A Cara do Sul, lançado no final de 2016 e também marcou presença na iniciativa conjunta entre a Hit Rádio e o Museu Nacional de Arte Antiga, para juntar vários artistas da Margem Sul para falarem sobre esse património imaterial da zona, o hip hop.

Foto: BANTUMEN /Miguel Roque

Tee Ace nasceu e cresceu em Portugal, mas as suas origens são angolanas. Terra para onde os seus pais regressaram em 2015. Tee ficou em Angola por dois anos. Mas acabou por regressar às ruas da Amora, onde se dedica a 100% à família South Music

Foto: BANTUMEN /Miguel Roque

Com 20 anos, Jask, nome artístico de José Alexandre Correia Garcia dos Santos, é o elemento tuga do grupo, considerando as suas origens portuguesas. Depois de receber o convite de GCode para fazer parte do grupo, a sua maior motivação são os amigos e a união com os South Music.

Foto: BANTUMEN /Miguel Roque

Junyor B nasceu em Portugal, cresceu entre as ruas de Setúbal e Paris (França), o pai é do Senegal e a mãe da Guiné-Bissau.

A primeira mixtape dos South Music está prestes a sair, com o titulo Free G’O, que é uma homenagem ao sexto elemento do grupo, que não esteve presente na entrevista por estar a enfrentar uma prisão domiciliar.

Vê abaixo os vídeos dos dois primeiros singles que fazem a antevisão da mixtape.

“Benz ou Beamer”

“Fast Food”