Ainda ontem, 10, falamos aqui sobre o novo videoclipe de Carlão “#Demasia“, uma dura crítica à sociedade em que vivemos nos dias que correm e como o nosso quotidiano se foi alterando devido às novas tecnologias e redes sociais. E, recentemente, foi feito um estudo com jovens acerca da utilização de redes sociais e comunicação por via de apps de mensagens e como isso influência a vida de cada um.

O estudo, publicado pelo Common Sense Media, informa que o constante apoio dos mais jovens nas redes sociais e apps de mensagens para comunicarem entre si ou evitarem situações de desconforto social pode ser positivo.

1,141 foi o número de jovens que participou no estudo com idades compreendidas entre os 13 e os 17 anos, os quais responderam a questões sobre a sua utilização de redes sociais. Entre os participantes, 59% apontou que o uso destas plataformas não estava relacionado com sentirem-se ou não deprimidos e 35% admitiu que prefere comunicar com amigos através de apps de mensagens.

Ou seja, o estudo concluiu que os jovens sentem-se mais confiantes com as redes sociais apesar de todos os perigos que possam representar, e que acabam por se sentir menos sozinhos e deprimidos. Mas é importante manter os cuidados necessários inerentes a Internet.