“Permita Que Eu Fale” é o terceiro álbum de Emicida e tem a participação de Papillon

“Eminência Parda” é o primeiro single que antecede o LP, com produção de Nave, e a participação de Dona Onete, Jé Santiago e Papillon.

Uma década depois de Pra quem já Mordeu um Cachorro por Comida, até que eu Cheguei Longe, o seu primeiro trabalho, Emicida está prestes a lançar novo projeto. O single promocional do mesmo conta com a participação de Papillon.

Lançado em 2015, Crianças, Quadris, Pesadelos e Lições de Casa , nomeado para o Grammy Latino de Melhor Álbum de Música Urbana em 2016, foi o último trabalho que os fãs ouviram do rapper ativista.

Ver esta publicação no Instagram

Permita que eu fale, não as minhas cicatrizes.

Uma publicação partilhada por Emicida (@emicida) a

Ao que tudo indica, tendo em conta todas as publicações nas redes sociais feitas por Emicida, Permita Que Eu Fale é o seu novo projeto. “Eminência Parda” é o primeiro single que antecede o LP, com produção de Nave, e a participação de Dona Onete, Jé Santiago e Papillon.

Emicida explicou o significado da música através da sua conta no Twitter. “Em política, eminência parda é o nome que se dá quando determinado sujeito não é o governante supremo de tal reino ou país mas é o verdadeiro poderoso”.