PlayStation

Tudo o que já sabemos sobre a próxima geração da PlayStation

A empresa japonesa, Sony, já assumiu a produção da próxima geração da Playstation , ao que tudo indica pode não se chamar por PlayStation 5.

O jornalista Takashi Mochizuki do WSJ fez um um video durante uma demonstração interna da empresa japonesa para mostrar aos funcionários a diferença no tempo de carregamento (load) de jogos entre a PS4 e a PS5, que realmente apresenta uma diferença muito grande.

As informações foram divulgadas pela própria Sony, e pelo o que consta a próxima geração da PlayStation terá uma jogabilidade (experiência de jogo) muito enquadrada aos jogadores. Algo que nos trará uma nova experiência para o mundo do jogo e irá permitir ao utilizador experimentar e sentir uma nova dimensão, tal como os criadores quando imaginaram e conceberam a consola.

Os mapas dinâmicos e as grandes dimensões dos jogos são carregados de forma quase instantânea. Algo extremamente raro, uma vez que estamos habituados a ficar em “pausa” enquanto que o disco giratório, sinaliza o acesso ao jogo e carregamento dos ficheiros.

Teremos também o serviço PlayStation Now atualizado, que independentemente da ligação à internet, terá agora um desempenho “dramaticamente” superior. Incluindo gráficos de nova geração, com um desempenho nunca antes visto, bem como todo um sistema de cloud renovado. Estes foram apenas alguns dos pontos divulgados pela Sony.

A diferença nos tempos de carregamento entre a PS4 e a PS5 é extraordinária. Não há outra forma de descrever um load até dez vezes mais rápido na Sony PlayStation 5. O mesmo é aplicado nos carregamentos de novas fases ou níveis dentro dos jogos, bem como a simples tarefa de gravar o jogo (Fast save) dentro do mesmo.

A Sony partilhou um documento PDF com um resumo das principais novidades para a PlayStation 5 e “agradecimentos” à Playstation 4, que podes ler aqui.

nv-author-image

Equipa BANTUMEN

A BANTUMEN é um magazine eletrónico em português, com conteúdos próprios, que procura refletir a atualidade da cultura urbana da Lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.