Pierre Kwenders e Branko, juntos em “Amours d’Été”

Amours d'Éte, ganhou agora um visual muito aesthetic e minimal pelas lentes de Colors Show. Este tema faz parte do novo álbum do produtor português, Nosso.

Viens par-là, touche-moi là/ Mais non, arrête pas
Si si, je l’aime comme ça
Touche-moi, aime-moi / Adore-moi, embrasse-moi
Baby, je l’aime comme ça

Em tradução livre ” Vem cá, toca-me lá/ Mas não, não pares. Se assim for, eu gosto assim. Toca-me, ama-me/ Adora-me, beija-me. Baby, eu amo isso assim.”

O que leste acima é um verso da música de José Louis Modabi, mais conhecido pelo seu nome artistico: Pierre Kwenders. Músico congolês-canadense que se juntou ao Dj e produtor Branko, ex Buraka Som Sistema, para criar Amours d’Éte.

Pierre é uma mistura de estilos, dança entre a rumba congolesa, R&B, pop, rock, gospel e muitos outros géneros, que podem ser ouvidos nos seus ultimos dois trabalhos “Le Dernier Empereur Bantou”, de 2014, e “MAKANDA at the End of Space, The Beginning of Time” que fez todos dançarem no festival SBSR de 2018.

Amours d’Éte, ganhou agora um visual muito aesthetic e minimal pelas lentes de Colors Show. Este tema faz parte do novo álbum do produtor português, Nosso. Como Branko afirmou ao Rimas e Batidas, “’Nosso’ é um disco de canções que representam o momento que se vive actualmente em Lisboa”, e diga-se de passagem que é dos momentos mais multiculturais de sempre, onde a música e a cultura africana fazem-se sentir, sem cessar.

Relembramos ainda que, Branko junta-se ao cartaz da edição deste ano do NOS Primavera Sound, que começa na quinta-feira e estende-se até ao sabádo na cidade invicta, Porto, Portugal. Podes ver o Dj já nesta sexta-feira às 23h40 no palco Super Bock.