Amílcar Cabral e Cesária Évora são dois nomes incontornáveis da história contemporânea de Cabo Verde que agora estão imortalizados por Vhils nas ruas das ilhas de Santiago e São Vicente, respetivamente.

Voir cette publication sur Instagram

Retrato de Amílcar Cabral em Achada Grande Frente, cidade da Praia, na ilha de Santiago, em Cabo Verde, uma obra realizada a convite do @projeto.xalabas Depois de várias reuniões com a comunidade, decidi retratar o pensador, poeta e revolucionário cabo-verdiano e guineense, alguém que admiro há muito pelo seu pensamento pan-africano, pelo seu humanismo, e pela sua dedicação ao bem-estar, educação e libertação do seu povo e da sua terra. Através desta obra tento não só fazer luz sobre a sua vida e a sua obra, mas também convidar as pessoas a visitarem o bairro da Achada Grande Frente de forma a ajudar a mudar as narrativas negativas sobre uma comunidade que tem tanto de único e especial para oferecer ao mundo. Acredito no poder que a arte tem para mudar percepções, narrativas e preconceitos e, como tal, espero que esta obra contribua para ajudar a revelar o incalculável valor humano e cultural desta comunidade e de Cabo Verde. Nta kre agradeci specialmente Cabo Verde i as comunidadis caboverdianas na tudo mundo. ////////////////// Portrait of Amílcar Cabral in Achada Grande Frente, Praia, Santiago island, in Cape Verde, a piece created at the invitation of @projecto.xalabas. After several meetings with the community, I decided to portray the Cape Verdean and Bissau-Guinean thinker, poet, and revolutionary, someone I've long admired for his pan-African thought, for his humanism, and for his dedication to the welfare, education, and liberation of his people and his homeland. Through this piece I try not only to bring his life and work to light, but also to invite people to visit the Achada Grande Frente neighbourhood in order to help change the negative narratives about a community that has so much which is unique and special to offer to the world. I believe in the power that art has to change perceptions, narratives, and prejudices and, as such, I hope this piece will contribute towards helping reveal the inestimable human and cultural value of this community and of Cape Verde. My very special thanks to Cape Verde and its communities in diaspora around the world. 📸 by @josepandolucas #vhils #alexandrefarto #caboverde #amilcarcabral

Une publication partagée par Vhils (@vhils) le

O artista urbano português está em Cabo Verde por meio de uma parceria entre Vhils, a Kriol Ideias e a Xalabas di Comunidadi e o apoio da Ocean Week, Sita, Enapor, Mariventos, Grupo Impar, Bati Build, Moave, Armando Cunha, restaurante Palm, entre outros parceiros.

Ambas as obras tratam-se de desenhos de baixo-relevo, esculpidos na parede apenas com recurso a berbequim.

O retrato de Amílcar Cabral, que já é uma atração turística, pode ser visto em Achada Grande, na cidade da Praia, ao passo que a obra de Cesária Évora foi esculpida nas traseiras da Alliance Française no Mindelo, uma das zonas mais movimentadas da ilha de São Vicente, de onde parte o cortejo do famoso carnaval da ilha.

O mural Cesária Évora será inaugurado esta segunda-feira, 21, pelas 16 horas.