O final do ano é sinónimo de resenhas e prémios. Um dos mais notórios em Portugal já aconteceu e três afrodescendentes ganharam o reconhecimento devido pelas suas respetivas carreiras: o cantor Dino d’Santiago, o modelo Rachide Embaló e o médico Manuel In-Uba.

O evento decorreu nesta sexta-feira no Teatro Tivoli, em Lisboa, e juntou várias personalidades das mais variadas áreas.

Dino d’Santiago, que foi recentemente escolhido como um dos 16 compositores do Festival da Canção, foi nomeado homem do ano da GQ na área da música. Ao subir ao palco para agradecer a homenagem, o artista improvisou uma atuação ao som de “Nova Lisboa”.

Rachide Embaló é um jovem modelo de 21 anos que tem conquistado o mundo da moda internacional. Agenciado por mais 11 agências em todo o mundo, Embaló já trabalhou para marcas como Balmain, Hermès, Salvatore Ferragamo, Thom Browne e Kenzo nas passarelas de Paris e Milão.

José Manuel In-Uba, vencedor do prémio Homem do Ano GQ na categoria Herói Nacional, pelo seu brilhante trabalho humanitário que tem desenvolvido na educação e na saúde na Guiné-Bissau, o seu país natal.

Lista de vencedores:

“Arte”: José de Guimarães

“Gourmet”: Miguel Guedes de Sousa 

“Literatura”: Afonso Reis de Cabral 

“Ciência”: Hugo Messias

“Desporto”: Ângelo Girão 

“Revelação”: Pedro Teixeira da Mota

“Comunicação”: Daniel Oliveira

“Design”: Alves/Gonçalves

“Modelo Feminino Nacional”: Maria Miguel 

“Modelo Masculino Nacional”: Rachide Embaló 

“Modelo Feminina Internacional”: Taylor Hill 

“Modelo Masculino Internacional”: Sean O’pry 

“Música”: Dino D’Santiago 

“Herói Nacional”: Manuel In-Uba