Burna Boy é a mais recente confirmação do festival português de verão Sumol Summer Fest. O “African Giant” junta-se a Julinho KSD no primeiro dia do festival que tem lugar na Ericeira.

Nascido como Damini Ogulu, Burna Boy tomou de assalto o continente africano e o Reino Unido com as suas músicas. Mas foi com o álbum African Giant, lançado no ano passado, que o mundo deu mais atenção a este artista nigeriano.

Clica aqui e torna-te Patrono da BANTUMEN

O álbum contou com colaboraçoes de grandes nomes do panorama musical internacional, como Jorja Smith, Jeremih, Damian Marley, YG, Future e Angélique Kidjo — a cantora do Benim que venceu o Grammy para o Melhor Álbum de World Music e dedicou-o ao cantor da Nigéria, que também foi nomeado.

African Giant, desde o seu lançamento em julho, tem feito a delícia de muitos à volta do mundo, e isso é notável a cada concerto que Burna Boy dá.

“African Giant, fala sobre a grandeza africana e como África se tornou a base para as suas composições. O LP acaba por ser uma reflexão/crítica pessoal e política da realidade que conhece. African Giant é mais coeso, mais arriscado em termos sonoros e mais amplo do que o trabalho anterior.

As músicas que se ouvem neste novo trabalho de Burna atravessam a diáspora, deixaram de ser propriedade de um local só, a sonoridade tem lugar em África que depois se estende para fora”, uma das reflexões do nosso jornalista Wilds Gomes, que fez uma análise crítica do álbum.

Uma das grandes novidades é também, Trippie Redd, outro nome confirmado para o evento que acontece nos dias 3 e 4 de julho.