João Paulo da Mata, nasceu em Portugal e foi criado no bairro do Miramar, em Luanda, que serviu de inspiração para o seu nome artístico Maika.

OS Primeiros passos na música aconteceram como produtor, em trabalhos com relevância no panorama musical angolano com artistas como Eva RapDiva, Kalibrados, Vui Vui, Projecto X, Sandocan, entre outros.

Maika lançou-se enquanto artista com o single “Espelho Meu”, que atingiu o número um no Trace Toca, Afro Music Channel e Gloom, bem como lugar de destaque no canal de YouTube MaisKizomba. A seguir a esse projeto, lançou a música “Sensação”.

Para 2020, o artista promete maior continuidade nos seus trabalhos, com a disponibilização da “DaMaika Season”, que consiste num lançamento a cada dia 11 de todos os meses, até novembro. A base musical desses projetos vai incidir no GhettoZouk, passando pelo R&B e HipHop, sempre com a cultura urbana e tonalidade afro presentes. Já foram lançados os singles “Os Homens São Todos Iguais” e “Esquiva A Mulata”, logo no início do ano. Segue-se agora o som “Não Tem Volta”, lançado esta sexta-feira e que já figura na playlist editorial Spotify: Dancing Kizomba

Relembramos-te que a BANTUMEN disponibiliza todo o tipo de conteúdos multimédia, através de várias plataformas online. Podes ouvir os nossos podcasts através do Soundcloud, Itunes ou Spotify e as entrevistas vídeo estão disponíveis através do nosso canal de YouTube.